Lawford Connection

Não há honra entre as celebridades.

 

rahmen_webTodo membro da Lawford almeja seus 5 minutos de fama - mas diariamente! Claro, a fortuna vai muito bem com a fama, então um pouco de verdinhas não faz mal a ninguém. Muitos Lawfords vivem o Sonho Americano - passar de pobre a rico o mais rápido possível. Claro, para um verdadeiro Lawford, os pobres teriam a última moda em primeiro lugar; não seria bom ser visto em público vestindo os trapos de ontem.

 

A intensa competição por atenção tem resultado em todos os membros tentando constantemente superar uns aos outros em relação a usar a moda mais escandalosa, dar as festas mais concorridas, ou ter as coleções mais ecléticas. É sempre uma luta se destacar em uma multidão que tem destacado seu principal trabalho.

 

O desejo por riqueza e poder é um forte motivador para todo mundo. A Lawford Connection tem feito disso um laço que conecta todos os seus membros - eles estão unidos na luta pelo sucesso e reconhecem o fato de que juntos têm uma melhor chance de alcançar seu objetivo. Isso os tornou extremamente dinâmicos e ajudou o seu incrível sucesso em se tornar uma das facções de ponta da cidade com uma velocidade sem paralelo.

 

Derrubando a ordem estabelecida basicamente durante a noite, os Lawfords praticamente entraram em uma fase conhecida como Paradise City. Virtualmente em tempo algum eles tomaram cerca de um terço da cidade, tomando o controle do bairro dos cinemas e de vilas da alta sociedade de Bel Air dos complacentes chefes da Stimato. Os Stimatos finalmente conseguiram barrar a entrada em seus territorios, mas então os Lawfords já tinham montado uma máquina de negócios bem azeitada e um abrangente sistema de recolhimento de informações , e tinham amarrado a maioria das autoridades da cidade em seus dedos bem tratados. Os Lawfords também vêm aceitando qualquer um com talento e ambição em suas fileiras, e a promoção dentro da facção não é sufocada pela tradição como é com os Cúrans ou os Stimatos. Assim, eles contam com muitos membros entre eles que antes pertenciam a outras facções - o que deu a eles informações vitais nas negociações dessas facções.

 

Assim, um fator chave da rápida chegada dos Lawfords ao poder foi sua vantagem em muitas áreas de conhecimento - prático ou teórico. Outros os veêm meramente como excêntricos e superficiais, mas qualquer Lawford que valha seu caviar e seu champagne tem um interesse aguçado em conhecimento. Pode ser apenas o conhecimento do que dita a última moda - vital para a vida de qualquer frequentador de festas - mas também pode ser informação sobre sistemas ultra-secretos de computador. Ficar "bem informados" sobre os rumores da sociedade ou sobre novos alvos valiosos é o pão de cada dia dos Lawfords, e muito dos criminosos mais técnicos de Paradise City encontraram um lar com eles.

 

Viver com estilo requer certos recursos, então dinheiro é importante para os Lawfords. Porém, dinheiro pelo dinheiro é terrivelmente chato, e a riqueza deve ser aproveitada totalmente. Despejar dinheiro em itens luxuosos,
coleções raras, roupas e festas é o jeito certo de gastar as ganhos suados de alguém. Também é uma exigência para a vida financeira de uma celebridade, logo a riqueza é a chave para aspirações mais altas.


Estrutura


Diretor
O diretor é o fundador da Lawford Connection e assim sua mais alta autoridade. A primeira e atual Diretora é ninguém mais do que a própria e misteriosa Christine Lawford - herdeira deserdada de um magnata dos cassinos, e casada com um apostador famoso, da alta sociedade, e mestre em roubos Arthur "Art" Lawford - que morreu em um misterioso acidente logo depois que a facção se estabeleceu. Christine supervisiona o Conselho dos Sócios, controla os ganhos de novos "sócios", e tem o direito de admiti-los ou demiti-los, se for acompanhada pela maioria do Conselho.


Sócios
A organização central - individuos bem sucedidos que conseguiram assegurar um lugar no Conselho, e controlam suas próprias operações. Eles têm uma ampla variedade de talentos, e uma variedade ainda mais ampla de excentricidades.


Sócios Minoritários
Os ascendentes, que têm esperança de se tornarem sócios um dia. De bandidos comuns a especialistas em computação, consistem na força de trabalho dos Lawfords, mas são menos numerosos do que nas facções mais tradicionais, já que a Lawfords preferiu buscar pessoal externo.


Empregados
Os empregados são a massa da Lawford, mas ela normalmente usa pessoal externo na maioria de seus trabalhos, porque não querem ser importunados com detalhes organizacionais maçantes. Assim, há poucos empregados permanentes na facção. Qualquer jogador / personagem que trabalha para os Lawfords pode virar um empregado se ele ou ela estiver em boa posição.

 

Membros

 

Christine "Chrissy" Lawford (Diretora)


lawfordDiretora da Lawford e filha afastada do milionário proprietário de cassino Walter de la Croix, Chrissy ficou entediada com a vida de uma herdeira rica. Não que estivesse infeliz com o luxo e conforto; ela só queria algo que fosse próprio, algo compatível com as suas capacidades e ambição. Ela encontrou a coisa certa quando conheceu Arthur "Art" Lawford, um famoso jogador, socialite e ladrão magistral. Os dois casaram-se rapidamente e passaram a lua de mel roubando o melhor cassino do pai dela, só por diversão. Quando eles apareceram em Paradise City e anunciaram a intenção de criar seu próprio cartel, eles logo atraíram diversos sócios para esse empreendimento. Infelizmente, Arthur morreu num acidente misterioso que Chrissy inicialmente atribuiu ao trabalho da Stimato. Assim, ela canalizou toda a sua energia para destruir o império da Stimato como vingança por seu marido amado. Recentemente ela descobriu informações revelando que outra pessoa esteve por trás do assassinato de seu marido, e começou a procurar indícios dessa pessoa.


Chrissy é veterana dos holofotes, pois foi criada ao redor de celebridades no cassino do pai e logo cedo tornou-se uma delas. Ela sente-se à vontade na alta sociedade e, além da sua beleza estonteante, também possui um charme radiante, apenas com um leve ar travesso. Ela se chateia rapidamente com conversas fúteis, ainda que nunca demonstre, preferindo personalidades mais excêntricas e originais. Possui uma mente perspicaz e é uma boa julgadora de caráter, o que é vital para possibilitar que ela sutilmente manipule seus sócios para seguirem suas regras.


Chrissy às vezes gosta de deixar o comedimento da sua vida na alta sociedade, altamente pública, e levar uma vida de alta sociedade muito secreta. Transitando numa limusine de vidros escuros, acompanhada por seguranças particulares, ela gosta de supervisionar pessoalmente as operações, observando em primeira mão o que acontece em seu bairro. Ela também usa este disfarce para contratar ajuda de fora para trabalhos que ela quer executar, mas que não devem ser rastreados até ela.

 

 

Natalie "Sugar" Coleman (Sócia Minoritária)


natalieSeu visual doce e seu comportamento inocente escondem uma mente astuta. Sugar Coleman é nova na cena, mas chegou a sócia minoritária rapidamente. Agora ela se concentra em se tornar sócia mais rápido ainda. De fora, parece superficial e só interessada nas últimas tendências da moda, se importando mais se o seu batom combina com a bolsa do que qualquer coisa tão trivial como um trabalho ou uma missão.


Ela foi rápida em fazer muitos amigos e quase tantos pretendentes, e agora tem muitas conexões. Mas esse é só o primeiro passo em sua estratégia de longo prazo em desempenhar um papel muito mais importante na organização. Seus vários talentos são muito estimados por seus superiores, mas eles podem subestimar a Sugar se acharem que podem usar os talentos dela em vantagem própria.

 

 

Joey "Fingers" Arakas (Sócio Minoritário)


joeUm punguista menor, Fingers constumava trabalhar para qualquer um que pagasse o bastante, e roubava qualquer coisa, de pequenos valores a documentos ultra-secretos das jaquetas ou dos casacos de outras pessoas. Tendo ofendido um grande número de pessoas desta forma, Dedos esta sempre olhando por cima dos ombros e tem um modo de falar agitado, cheio de energia nervosa. Vaidoso, mas sem o senso de estilo de moda que seus superiores demonstram, ele é normalmente visto com cores berrantes, sem combinar, e é difícil não percebê-lo, apesar de seu tamanho pequeno.

 

Fingers encontrou um lar com os Lawfords, trabalhando para Will "Eightball" Jackson, em troca de proteção de algumas de suas mais "persistente" vítimas antigas. Ele é conhecido por seu talento em evitar trabalhos pesados, exigindo que seu horário cheio e seus dedos sensíveis não sejam usados em trabalhos chatos. Dizer que ele tem feito poucos amigos assim é chover no molhado, mas enquanto Eightball achá-lo útil, poucos ousam reclamar em voz alta.

 

 

Emily "Einstein" Chapelle (Sócia Minoritária)


emilyHerdeira de um rico, porém excêntrico inventor, Emily passou a infância construindo todo tipo de aparelhos engenhosos e vendo o seu pai fazer estranhas experiências com máquinas enormes. Formada em Física e Nanotecnologia, ela seguiu os passos do pai até que, um dia, o velho morreu em misteriosas circunstâncias, e a sua última invenção - a que ele viu como sua maior descoberta, dedicando anos a ela - desapareceu em pleno ar. Desde então ela tem dedicado a sua vida e considerável talento para achar as pessoas responsáveis e retomar o maior trabalho de seu pai.

 

Ela rapidamente percebeu que forças maiores estavam agindo quando alguém do serviço secreto apareceu em sua porta e a ameaçou, então ela procurou a Lawford Connection para ajudá-la de uma forma que as autoridades não poderiam. Ela, em troca, vem trabalhando para eles como uma conselheira técnica, e começou a gostar do estilo de vida glamuroso que seus novos amigos levam. Emily já aprendeu os pontos mais finos da etiqueta, e é conhecida como desligada nas conversas e por usar muitos termos técnicos, fazendo com que pareça indiferente e ligada apenas em máquinas.